Patriarcalismos e Paternalismos

Hoje a questão é sobretudo a de avaliar a legalidade/ilegalidade da eutanásia [e mais recentemente a de saber se existe um limite de idade para a realização da eutanásia (veja-se o caso da Bélgica, onde um menor de 18 anos com uma doença terminal pode pedir para morrer)]. Esta questão, porém, parece radicar fundamentalmente numa outra, mais antiga. Se hoje se discute se um doente pode escolher morrer, e ser medicamente assistido na morte, antes a questão era a de saber se um paciente podia ser informado e participar nas decisões médicas que afectavam o seu corpo. Na década de 1950′, nos Estados Unidos (apenas um exemplo), pacientes e famílias eram deliberadamente mantidos à margem das decisões de vida e de morte. Eram os médicos que, imbuídos de um paternalismo misericordioso, tomavam essas decisões. Consentimento informado, autonomia do paciente não existiam e só foram trazidos à discussão a partir de 1970, com o movimento bioético. A eutanásia parece poder, por isso, ser alojada na sequência de todos aqueles pushings que visavam esmagar o paternalismo médico. E aqui está uma coisa interessante, lamentavelmente ausente da discussão pública e que eu desconhecia.

[Reflexão sugerida pela leitura do artigo “The Doctor Used to Know Best” publicado na revista The Atlantic]

Anúncios

One thought on “Patriarcalismos e Paternalismos

  1. Sou completamente a favor da Eutanásia. Tem que haver um conjunto de pessoas com bom senso, familia, médicos etc, que possam tomar uma decisão definitiva. Há casos por demais evidentes que nem disso precisam. Mas aceito que é um tema muito fracturante.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s